Published Abril 20, 2011 by babysonia26

Passei uns dias em casa dos meus tios, alias da minha madrinha, para pensar um pouco na vida e sobretudo nao sofrer dos ultimos acontecimentos…
Uma pagina se fechou mesmo nao querendo, eu fiz de tudo para a manter aberta,mas a razao venceu o coraçao … Apercebo me com horror que tudo foi mentiras e enganos, entreguei me e de novo fui magoada…A razao pra isso? nao sei. Merecia ? Nao creio…Mas aconteceu

Mesmo assim ainda o amo, ainda tenho essa voz que diz luta mais e mais, mas n consigo mais, ele me retirou o chao debaixo dos meus pes…
Tenho dificuldades em acreditar que ele fez akilo … nao é o homem k conheço.

Anúncios

what did you do to kill the baby ?(my skin)

Published Fevereiro 16, 2011 by babysonia26

Henry, cujo o amor pela Anne, fez lhe cometer as maiores loucuras.Revirar o seu reino, lutar contra a Igreja e seus dogmas,se transformou uma obcessao por um filho varão. A crueldade desse rei, foi sem limite…Infiel, mentiroso, como um ser tao despresível pode se dizer capaz de amar. Anne que dedicou toda sua vida na procriaçao de um herdeiro, do herdeiro tao sonhado por Henry, foi acusada de crimes que nao tinha cometido, adulterio, incesto.
Acusada de nao saber tratar da sua propria gravidez. Sozinha ela carregou o peso de 5 crianças,mortas antes de nascer. No entanto consegui dar a Luz uma futura Rainha, a nossa amada Elizabeth…

Durante essas gravidezes, Anne se encontrava sozinha , sem o apoio ou o carinho do Henry, que nao a visitava mais, como poderia ele, se ele se encontrava com as suas amantes… Um homem nao pode mudar, um homem continua a ser um animal ao qual esta destinado a ser. Ao inicio do romance, ele era tao diferente, tao carinhoso, tao dedicado.Com o tempo, a sua verdadeira natureza fez sua apariçao. O que ele realmente é. Ninguem escapa a sua natureza profunda, somos o que somos e sempre o seremos. Mudanças sao provisorias, nada é eterno.
Henry, deixou de amar e passou a desejar apenas um filho homem,para que eles possam partilhar um mesmo interesse. Esse desejo se tornou o seu unico objectivo.Qual seria o homem que diz amar e deixa a sua amada,sozinha num periodo tao sensivel e complexo. Qual é o homem que deixa a sua amada em pleno sofrimento fisico e psicologico. Qual é o homem que se preçe que preferia a companhia de amantes quando em casa tem a felicidade?
Faz me lembrar as historias de hoje em dia, homens que tem mulherees lindas e bem postas, e preferem seduzir pessoas em bares, enquanto a legitima espera em casa.Mentiras,enganos, esquemas mais manhosos, acabam por destruir relaçoes, e isso tudo para que fim? Satisfaçao fisica, satisfaçao do ego, jogo de seduçao.
Será que nao tem isso com as companheiras? Possivelmente tem,mas preferem as aventuras e brincadeiras sem ” consekencias” Eis o ser que se diz chamar de homem.
Eu sou idealista, e tenho uma visao romantica do casal, talvez eu seja demasiada sonhadora. Mas eu nao me vejo partilhar uma vida feita de enganos, uma relaçao baseiada de mentiras…
Meu coraçao merece ser entregue a alguem de confiança,alguem que seja leal, que nao tenha necessidade de mentir ou encobrir, se me dedico a 200% a alguem que seja alguem de nobre, alguem com caracter, um homem que me saiba ver,que me dê estabilidade emocional e paz interior.
Esse sentimento de paz, de bem estar, ja o senti outrora… Quando nao precisava de ter medo, quando nao precisava de pensar em todos detailhes, em todas palavras pra descobrir as intençoes… Nao perdi a fé, eu sei que o meu caminho é longo e que ainda vou cair muitas vezes,mas no fim da estrada havera um banco confortavel, onde eu e a pessoa que me esta destinada, poderemos nos sentar e envelhecer

Anne e Henry, 2 pessoas que se amaram,mas cujo o amor nao foi o suficiente… Que os homens que irao ler este post, se recordam que uma mulher nao é um brinquedo, nao é uma prostituta que so tem funçao de vos dar prazer, nao é uma maquina de fabricaçao de filhos…
Mulheres recordam se, que ninguem vos deve humiliar e tratar como vulgares animais de rua, que nao sao obrigadas a se asujeitar a isso em nome do amor,que homem que ama nao precisa de jogos de seduçao, homem que ama sabe que em casa esta a felicidade ….

Pardonne moi ….

Published Janeiro 22, 2011 by babysonia26

Perdoa-me
Se a dor remove tudo
Que ela me esmaga
De te amar como um louco
Que não és
Perdoa-me
Perdoa-me
A profundeza do meu amor
Por ti
Se é do sangue que flui
Em mim
Pedoa-a

Príncipe húngaro
Nossos dias
…Era uma vez
Das promessas de amor
Quando ele chegou em casa
A primeira vez

Príncipe hindu
Eu o imagino ainda
No oco em mim
Eu quero mergulhar no seu coração
E sua voz me diz
Tudo baixo

Príncipe árabe
Teu silêncio toca
Na ponta dos dedos
Todos os meus sentidos, será que
Uma outra vez?
Fica aqui em casa

Príncipe Aurora
Onde estás
Dessas pulsões de morte
Que nos fez bem
Depois o esforço
Dois corpos, um feitiço

Príncipe húngaro
Um descende de outro
Lado do mundo
Percorrer a estrela
A cada segundo.
Compartilhar a sombra

Príncipe negro
Livra-me de meu sangue,
De uma esperança
Porque em mim assiste um silêncio
Sem cor
Uma parte nula

Mulherengo, raça mais despresível

Published Janeiro 18, 2011 by babysonia26

Joka o conquistador de mulheres carentes! Boa lábia, seus olhos negros… sabe um coração prender! Uma lista de amantes, ele adoça as mulheres, com o mel das palavras. Amores clandestinos, ilusórios, ele tem o dom de conquistar.

Mulheres inventando sonhos, maiores felicidade, as promessas de Joka! Meninas lindas, carentes, lá esta ele, um cavalheiro! O galanteador inventando historias, inventando nomes, despertando paixões! Joka o poeta da madrugada, belas palavras, toda noite caçada de onças. O mesmo repertório, a arrancar suspiros, de mulheres solitárias.

Um dia conheceu Alice, moça de família, solteira que sonhava, com um grande amor. Seu pai sempre,dizia:
– Minha filha, meu maior desejo é vê-la, vestida de noiva, entrando numa igreja, de braços dados, com o paizão aqui! Não se entregue ao primeiro homem, entregue sua virgindade, ao homem que será, seu companheiro pela vida. Com ele terá filhos, um lar, dignidade e, um nome a zelar. Tenha juízo, desejo que seja feliz, você, é meu maior tesouro. Nada neste mundo, é mais importante para mim, do que você, minha adorada filha!

Alice atendendo a vontade do pai, com 29 anos ainda era moça virgem, esperando encontrar um homem sincero, para se casar e, ter uma família. Ao conhecer Joka, o despertar do amor, seus olhos brilharam de emoção, ao vê-lo de camisa cor de rosa, óculos ray-ban, chupando uma bala de mel.
Ele aproximou-se de Alice, e com a desculpa de oferecer uma bala, se apresentou a ela:
Você aceita uma bala de mel, para adoçar estes lindos lábios, morena? Meu nome é Juan Carlos! Soy un amante caliente! Brincadeirinha minha linda, estou apenas brincando com você.
Qual o seu nome?

– Meu nome é Alice, adoro bala de mel!

– E se eu der na sua boca, você aceita?

– Você é tão ou mais oferecido, do que a bala de mel!

– Tudo bem Alice, eu sou poeta e vou te fazer um poema de amor,
você aceita?

– Claro que sim, adoro homens românticos!

– Espera, vou apanhar uma rosa, para te oferecer, enquanto declamo meu mais belo poema a você, posso te chamar de amiga?

– Você tem muito humor, claro que te quero como amigo!

– E se eu quiser algo a mais?

– Bom, depende do algo a mais!

– E se eu quiser um beijo na boca, você dá?

– Depende do poema, se me convencer. Sim!

Rapidamente, Joka apanhou uma rosa vermelha, para oferecer a moça. Alice estava encantada, radiante, ela esperava ansiosa, pelo poema de amor, sentada no banco da pracinha. Lá veio Joka, sentou ao seu lado, tirando o óculos ray-ban e, com lágrima nos olhos, emocionado, declamou o poema a Alice, oferecendo a rosa, com as mãos trêmulas!

– Querida, tu és minha rainha, minha amada! Musa predileta dos meus sonhos, minha doce paixão! Eu, escravo dos seus desejos, beijo as suas mãos, com toda minha adoração. Adoração do meu amor, deste meu infinito sofrer, deslumbrado por sua beleza! Encha a minha vida de alegrias, hei de adorar-te, pela vida inteira, com todo ardor, destes meus olhos, enfeitiçados pelos seus… Apenas te peço, beija os meus lábios e, se entregue de coração, a esta minha devoção, por você, moreninha linda!

Alice, cedendo aos encantos do conquistador barato, ao termino do poema, beijou a boca do poeta Joka de meia tigela. Ah! Coitadinha dela, ingênua, aceitou o namoro. Trocaram telefone, logo marcaram um encontro, num barzinho para conversar.

No dia seguinte, toca o telefone:
– Thrimmm!!!!! Thrimmm! Thrimmm!

– Alo?

– Alo, é a minha moreninha linda!

– Rssss! Pensei que você não ia ligar mais.

– Eu to amando, eu to apaixonado por você, menina pequena! E ai, hoje à noite, nós vamos nos encontrar?

– Claro que sim, estarei no barzinho, como combinado!

– Não demora meu amor, não vejo a hora de beijá-la novamente!

– Juan, você me oferece outro poema!

– Claro que sim minha Deusa, até já fiz…mais é surpresa! Um beijo nesta boca deliciosa, eu te espero por lá!

– Beijos, eu acho que estou apaixonada, Juan!

– Não Alice, você não esta apaixonada! Ainda vai ficar. Não viu nada ainda. Soy un amante caliente! Rssss! Eu Te espero boneca. Eu Te adoro, princesa!

À noite no barzinho, ao som de Only You, Alice procura por Juan e, o avista, com um lindo buquê de rosas, na mão!

– É para você, com todo meu amor!

– Aii! Nunca ganhei flores! São lindas!

– Tô falando que eu te amo, tô apaixonado e você? Hum! Ainda duvida.

Alice e Joka se beijam, num demorado beijo…De repente, uma gritaria no barzinho :
– Almeida, seu safado…você marca encontro comigo e, está, aos beijos com outra!

– Espera ai moça, este aqui é o Juan, não é o Almeida não!
Novamente outra gritaria:
– Pedro Paulo, ordinário, quantas mulheres você tem… vagabundo de uma figa!

– Gente, não to entendendo nada! Este aqui é o Juan e, eu sou Alice.

– Não é não! Este ai é o Almeida!

– Que Almeida que nada. Este é o Pedro Paulo, meu namorado!

– Calma ai, meninas. Calma! Vocês estão doidas? Meu nome é Juan! Não sei o que vocês estão falando! Nem conheço vocês duas! Quem são vocês?

– Eu sou a Carolina, não lembra não, Almeida. Você não é advogado?

– Meu Deus, eu to passando mal! Eu nunca fui advogado na vida. Não sei o que esta acontecendo não!

– Eu sou a Margarida, Pedro Paulo. E você o meu namorado!

– Credo! Minha namorada é essa aqui, a Alice! Eu não conheço vocês não! Acho, que estão me confundindo com outro. Eu to falando, cada uma!

– Filho da mãe, vou dar na sua cara, Almeida!

– Não!!! Deixa, que no Pedro Paulo, bato eu!

– Uiiii!! Socorro!!! Alguém me ajude, por favor!

– Carol. Nega, faz isso não!

– Margarida. Morzinho, eu sou inocente! Sofro de uma doença, eu não tenho culpa. Sofro de uma doença incurável, eu me esqueço das coisas…Mais agora, eu to lembrando tudo junto! Eu to lembrando de vocês… to lembrando sim! Alguém, me dê um copo com água, que eu to passando mal.

-Vamos Almeida, não passa mal não! Qual das três você escolhe?

Vocês disputam ai no tapa, e quem ganhar, fica comigo! Pronto.

As três moças se agarram dentro do barzinho, o safado do Joka, se mandou em meio a confusão. Depois das tapas, puxões de cabelos, beliscões, elas já cansadas da briga, desabafaram!

– Almeida, eu te amo, seu ordinário de uma figa! Cadê você?

– Pedro Paulo, por que fez isso comigo, a gente ia se casar?

– Bem que meu pai me avisou! Por pouco, eu não era mais virgem. Mais não posso negar. Eu amo o Juan!

Assim Joka, conquista suas mulheres! E não se assustem… Elas ainda o procuram, o aceitam de volta. Afinal, O que será que o Joka tem, que as mulheres, se derretem por ele?

Cruzes!!! Sinceramente, eu não sei dizer! Acho que elas gostam, de sofrer!
atres.jpg
_____________________________________________________________________

Esse é o tipinho mais desprezível, que não merece perdão. Ele não se dá nem o trabalho de esperar que vires as costas para olhar as pernas da empregada de mesa e é comum soltar comentários do tipo “que gostosa essa loira” ou “essa sua amiga é mesmo um tesão”. Não precisa nem continuar, não é? A menos que você goste de fazer figura de ursa.

Reconheça um mulherengo: ele vai sempre com muita sede ao pote, está sempre olhando para os lados e é capaz de achar a Sigourney Weaver uma “delícia” (sim, essas palavras são constantes no dicionário de caça dele)… Lastimável!

Como lidar com ele: Não lide, desista, a menos que você queira um relacionamento aberto e não ligue para fidelidade.

Como se livrar dele: o mulherengo nunca vai estar sozinho, então, a melhor forma é ir embora antes de pagar muito alto os juros desse amor de sentido unico.

A mulher tem a tendência a achar que por ser especial poderá mudar um homem. Ela diz para si mesma ‘comigo ele vai ser diferente’ ou ‘ele vai mudar por mim’. Sinto muito informá-la, mas se pensa assim, você está se enganando.
Não que você não seja especial e não mereça tal feito; nem mesmo que é impossível alguém mudar. Porém, pense bem. Se você está se comprometendo com alguém na esperança do que ele possa vir a ser, algo está errado. Você deveria estar com ele por ele ser exatamente o que é e não no que você pode transformá-lo. Ele não é um rato de laboratório para você fazer experiências.
Uma pessoa pode sim mudar, se aperfeiçoar. Só que, em primeiro lugar, ela não mudará a sua essência. Creio que o caráter de alguém é imutável. As pessoas podem apenas ser melhores ou piores. O que quero dizer é que todos são capazes de matar, o que diferencia quem já matou é o que impulsionou esta atitude. Alguns matam por prazer, outros por dinheiro e há aquele que só mataria outro ser se fosse para proteger uma vida.
Claro que um homem pode deixar de ser mulherengo por gostar realmente de uma mulher; deixar algumas manias de lado; ser capaz de não assistir a um jogo por causa de alguém. Mas essas mudanças dependem da vontade dele. Não será pressionando um homem e pedindo provas de amor que você conseguirá que ele mude.
Sabe aquela história do cara que pode estar com a mulher dos sonhos de ‘n’ caras, mas é só ela virar as costas que ele vai atrás de outra? O típico mulherengo insaciável. Por que você vai crer que com você ele vai ser diferente? As mulheres ‘caem na de um cara’ assim e, o pior, depois que ‘quebram a cara’, choram achando que não foram boas demais para fazerem com que ele mudasse. Como se a mudança dele dependesse da capacidade delas!
Não faça isso consigo mesma! Como disse acima, alguém só muda quando e se quiser e se for uma questão de caráter, ele nunca mudará. Há homens que simplesmente não sabem ser fiéis. Estes não pensam em consequências talvez porque mulher para eles não seja algo diretamente vinculado a sentimento, mesmo que eles sejam capazes de gostar. E podem até sofrer por perder uma mulher que gosta, mas depois eles se afogam em outros pares de coxas, pois esses tipos de homens realmente acham que é algo que preenche a vida se afogar em mulheres sem compromisso. Se você quer algo sério, fuja dessa ‘espécie’. Prefira homens que possuem defeitos menos intoleráveis.
Esse tipo de homem geralmente é incorrigível, pois não quer mudar ou simplesmente é assim e ponto. Daí você ter esperança que um cara que está traindo a mulher dele com você será o homem dos seus sonhos, é querer sofrer. Se um dia ele for seu, será apenas seu? Olha, dá para contar em uma mão só os homens que trocaram suas esposas pela amante e são fiéis a ela. Geralmente esses casos não são de homens que tem essa mania e sim de um acontecimento inesperado, o cara se apaixonar por outra enquanto estava envolvido. Mas aquele que sempre teve amantes… hum… acho difícil, viu?!
Portanto, meninas crescidas, não se iludam. O amor sincero é possível, se não ficar perdendo tempo com quem não merece ou com coisas desse tipo – mudar alguém. Procure alguém por quem você se apaixone sem ilusões, sem purpurinas. Alguém que você olhe em detalhes as qualidades e você possa gostar mesmos dos defeitos. Se começar a conhecer alguém e perceber que ele possui um defeito inaceitável, caia fora. Não perca seu tempo. Você não é babá, nem mesmo mãe dele para tentar ensiná-lo como deve agir, o certo e o errado. Busque um homem que já esteja formado, maduro, que já saiba te tratar como você quer e merece.